Black Coffee

Estou me sentindo realmente solitária

Não dormi nem um pouco
Eu ando no chão nove por quatro
Enquanto eu bebo
Café forte
O amor é uma saideira
Eu nunca conhecerei um domingo
Neste quarto dia da semana

Eu estou falando com a sombra
Desde uma hora da tarde
E Senhor, como retardar os momentos de partir
E tudo que eu faço é ficar deitada
Café preto
Desde que o blues chamou a minha atenção
Estou pendurando na Segunda-feira
Meus sonhos de Domingo para secar

Agora, o homem nasceu para ir rumo às paixões
Mas foi a mulher que nasceu para chorar e se desgastar
E ficar em casa e vigiar seu forno
E triste ela lamenta seus erros do passado
Com café e cigarros

Estou de luto todas as manhãs
Gemendo a noite toda
E no que é a nicotina
Não sobra muito pelo que lutar ao coração
Café preto
Me sentindo tão para baixo quanto o chão
Isto me deixa maluca
Me fazendo pensar sobre meu bebê
Poderia talvez vir ao redor
Vir ao redor

Mais de Peggy Lee: http://vomite.me/tag/peggy-lee/